Início

DomLuiz nos mostra o seu novo álbum Naturalmente Sana Volume 2, onde podemos sentir a vibrante batida do reggae com a mistura dos sons Nagô, Angola, Queto, Samba enfim, é o Reggae reinterpretado dentro da cultura brasileira de matrizes africanas que foi um legado da sua ancestralidade, mas sem perder a sua essência jamaicana.

  

  

  

O músico

Os anos 70 foram marcados por um movimento musical que explodiu nos Estados Unidos da América - o Soul Music, cuja a palavra de ordem era "Black is Beautyfull". Logo, o Soul Music chegava ao Brasil e foi imediatamente observado pelas comunidades negras, essa nova proposta tinha um objetivo, da conscientização do negro face aos problemas da discriminação racial, o resgate da dignidade e o desenvolvimento da auto-estima.

A nova onda musical proporcionou o surgimento de várias bandas e intérpretes negros que se destacaram no cenário musical brasileiro: Toni Tornado, Gerson King Combo, Banda Black Rio e a Banda União Black na qual o vocalista DomLuiz era o figura de destaque.

Final dos anos 70 e início de 80 chega ao Brasil os primeiros acordes do Reggae, as letras traduzidas descreviam o cotidiano das periferias da Jamaica que são similares as nossas. Esse novo som e ritmo e a voz do seu mais importante expoente Bob Marley, foi o estopim para DomLuiz iniciar sua carreira solo. DomLuiz pode ser considerado um dos pioneiros do reggae no Rio de Janeiro. O reggae mesmo sendo ignorado pela maioria dos meios de comunicação por longo tempo, teve em DomLuiz a chama viva e a esperança dos seguidores de Jah.

DomLuiz deixou a cidade, como dizem os reggaemens: a Babilônia, e se isolou nas montanhas do Sana*. Lá continuou compondo e vem se apresentando em vários shows no Rio de Janeiro e Interior, acreditou no reggae e hoje o reggae é um movimento forte com espaço garantido nas programações de radio e televisão. A perseverança de DomLuiz não foi em vão, hoje dos surfistas aos ecologistas, de sambistas a funqueiros, todos reconhecem e aplaudem a obra de DomLuiz que no decorrer do tempo fez seguidores fieis como o pessoal do Fã Clube Bob Marley, a Banda Cidade Negra, o Rappa entre outros.

DomLuiz nos mostra o seu álbum Naturalmente Sana, onde podemos sentir a vibrante batida do reggae com a mistura dos sons Nagô, Angola, Queto, Samba enfim, é o Reggae reinterpretado dentro da cultura brasileira de matrizes africanas que foi um legado da sua ancestralidade, mas sem perder a sua essência jamaicana.

Release

DomLuiz - Naturalmente Sana

DomLuiz iniciou a sua carreira musical há 30 anos quando lançou o primeiro cd como vocalista da banda união Black, banda contratada pela gravadora multinacional Polygran atual universal music ,o lançamento da banda União Black juntou um público de 20.000 pessoas no Portelão Rio de Janeiro o mesmo feito aconteceu em São Paulo era a época forte do Soul Music, esse disco ganhou o prêmio de disco do ano e fez sucesso internacional, foi recentemente relançando com grande êxito.

Nos anos 80 DomLuiz voltou-se para a carreira solo e com o reggae realizou inúmeros shows em todo Rio de Janeiro , região dos lagos e interior do estado, gravou seu primeiro cd independente pelo seu próprio selo que intitulou de Naturalmente Sana em homenagem aos agricultores da comunidade e da vida natural que vive no Sana, alias Naturalmente Sana é um projeto cultural e educativo.

O lançamento do cd foi feito com um grande evento na inauguração do portal do Sana, milhares de cópias já foram vendidas projetando positivamente essa comunidade, o projeto para o futuro vai ser o lançamento do novo cd que está vindo com 10 músicas inéditas bem diferente do anterior e tem causado muita expectativa para seu fiel público amante da boa música, Rio de Janeiro é o novo hits do cantor que fala das maravilhas e beleza do nosso estado que promete sucesso internacional.

O ano de 2004 ficou marcado pelas produções de alto nível que aconteceram no Sana como o projeto Sana Reggae Carnaval por exemplo a comunidade e os turistas que passaram pelo Sana puderem assistir a um show de graça e com ótima qualidade musical de som e luz, outro evento que ficou marcado foi a participação especial que o cantor fez no escala em 29 de maio, encerrou o evento interpretando is this love com a banda Cidade Negra.

Participou do cd Circuito Reggae 6 (uma coletânea de reggae em que participam bandas de todo o Brasil e DomLuiz representa o RJ participou da Expo Macaé em julho dentre outros grandes eventos o qual DomLuiz participou .outro evento foi a participação com a banda Tribo de Jah com um público de 9.000 pessoas na Fundição Progresso(RJ).

Em Janeiro Fest verão Macaé com a banda Cidade Negra campeonato de surf no Pecado entre outros. No inverno DomLuiz esquentou o frio da Serra com o calor do reggae na TRADICIONAL FESTA DO SANA ( 15 de julho )


Produção: Patricia (22)2793-2437
e-mail: [email protected]

Fotos

Contatos

Correspondência:
Patrícia Veiga - Rua da Glória 5 Sana - Macaé (RJ)
Adquira logo o novo CD inédito

Fale conosco :
  E-mail :
  Mensagem :
 

Sana, a Missão

Último distrito do Município de Macaé, RJ, o Sana conserva ainda muito de sua rusticidade e exotismo. Isso se deve ao fato deste bucólico lugarejo estar longe dos grandes centros urbanos. Com um clima excelente, paisagem paradisíaca e abundância de água, a qualidade de suas belezas naturais atrai o visitante durante todo o ano, cujo número aumenta nos feriados prolongados.

O Sana está localizado nos contrafortes da Serra de Macaé, sendo cortado pelo rio Sana, com altitude variando entre 300 e 600 mts. tendo como ponto mais alto o Pico do Peito de Pombo, com cerca de 1.400 metros de altitude.

Divide-se ao Sul com o rio Macaé, ao Norte com terras do Município de Macaé, a Leste com Casimiro de Abreu e a Oeste com Nova Friburgo e Trajano de Moraes.

Sua população gira em torno de 3.000 habitantes espalhados ao longo de seu território, em pequenas comunidades, sendo a principal a do Arraial do Sana, onde se concentra a maior parte da população, existindo um pequeno comércio, Posto de Saúde, telefone público, entre outros.